Ser Cristão É Ter Desafios

“Procura apresentar-te APROVADO diante de Deus, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade”. (2 Timóteo 2.15)

Como cristãos temos inúmeros desafios em nosso dia a dia. Esta carta foi escrita pelo apóstolo Paulo a fim de instruir e encorajar Timóteo em seu ministério. Paulo direcionou Timóteo para desenvolver em sua vida o caráter cristão, o caráter que Cristo Aprova, com a idéia de que ele também guiaria outros neste mesmo rumo. Timóteo era um pastor jovem e cheio de desafios.

Mas estes desafios não foram apenas para Timóteo, quero direcioná-los a nós, a mim e vocês, por isso: Quero mostrar neste texto 3 DESAFIOS que  temos como cristãos.

O 1º DESAFIO é Apresentar-se Aprovado: Procura apresentar-te Aprovado diante de Deus…

A palavra procura (procurar), tem aqui o sentido de “Esforçar-se”, “ser Diligente” para alcançar o objetivo, ou seja, “dar o melhor de si’. Então, tem a noção de Zelo Persistente e Contínuo. Esforça-se – Quando e Quanto? SEMPRE! Jesus merece sempre o melhor!

Mas Para que? Para apresentar-se a si mesmo diante de DEUS APROVADO. De qual forma? APROVADO. A palavra é dókimon que significa: estar Aprovado depois de um exame. Parece algo muito óbvio? Sim, e é óbvio. No entanto, há muitos que não querem passar pelas provas. Só que… “Para ser APROVADO, você será PROVADO”

Você será provado, seja lá qual for o tipo de prova, Espiritual, Emocional, Financeira, Psicológica… todavia saiba que você saíra dela ainda melhor. De alguma forma você perceberá a ação de Deus em sua vida através das provas.

É em nossa fraqueza que percebemos a ação de Deus. O apóstolo Paulo tinha o que ele chama de espinho na carne. Ele pediu que fosse retirado e Jesus respondeu: “Minha Graça te basta”, então o apóstolo Paulo entendeu e disse: “Quando estou fraco é que sou forte”. (1Co 12.7-12)

O apóstolo Pedro lança as bases para reforçar este pensamento, 1 Pedro 5.10: “Ora, o Deus de toda a graça, que em Cristo vos chamou à sua eterna glória, depois de terdes sofrido por um pouco…”

  • Vos APERFEIÇOARÁ, você sairá aperfeiçoado
  • FIRMARÁ, você estará ainda mais firme.
  • FORTALECERÁ da mesma forma, você estará mais fortalecido
  • e FUNDAMENTARÁ terá suas bases bem fundamentadas, alicerçadas em Cristo.

“Vejam, estou fazendo uma coisa nova! Ela já está surgindo! Vocês não a reconhecem? Até no deserto vou abrir um caminho e riachos no ermo” Isaías 43.19 (NVI)

Devemos perceber a ação de Deus, olhamos o deserto e não percebemos o caminho que Deus está abrindo para nós, pois o “O Deserto é oportunidade para Crescer e Aprender Com Deus”.

O objetivo da prova é chegar à maturidade de Cristo, a maturidade que DEUS deseja. DEUS deseja que você esteja aprovado, que seja Maduro Espiritualmente. Como você tem se apresentado a ELE? E como atingir esta maturidade?

  • Deixe Deus agir em sua vida, Ele lhe mostrará
  • Esteja sensível para perceber a ação Dele.
  • Apresente-se Aprovado diante de Deus

“Procura apresentar-te APROVADO diante de Deus, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade”. (2 Timóteo 2.15)

O nosso 1º DESAFIO é apresentar-se Aprovado diante de Deus e o nosso 2º DESAFIO é “não ter motivos de vergonha: “… como obreiro que não tem de que se envergonhar…”

  • Aquele que está aprovado não tem nenhum motivo de vergonha.

Essa é a idéia, não ter motivos de vergonha, nenhuma acusação deve haver sobre você. Entramos agora, noutro aspecto: O 1º em relação a Deus – Para Apresentar-se Aprovado; Agora em relação aos que nos cercam. Trata-se, portanto, do nosso testemunho. Por isso devemos tomar alguns cuidados:

“não dando nós nenhum motivo de escândalo em coisa alguma, para que o ministério não seja censurado”. (2 Coríntios 6.3)

Para que você tenha crédito ao falar, se não, você será taxado pelas pessoas como hipócrita. Aquele que fala uma coisa e faz outra. Todos os que são salvos por Cristo, possui um ministério, fomos chamados para ser representantes, embaixadores do Rei (2Co 5.20). Somos a geração eleita o povo de Deus, convocados para anunciar as virtudes de Deus para todos que nos cercam, pois Cristo nos tirou das trevas e nos trouxe para a maravilhosa LUZ (1Pe 2.9).

1 Pedro 3.13-16: 13 Ora, quem é que vos há de maltratar, se fordes zelosos do que é bom?  14 Mas, ainda que venhais a sofrer por causa da justiça, bem-aventurados sois. Não tenhais medo, portanto, de suas ameaças, nem fiqueis perturbados; 15 antes, santificai a Cristo, como Senhor, em vosso coração, estando sempre preparados para responder a todo aquele que vos pedir razão da esperança que há em vós, 16 fazendo-o, todavia, com mansidão e reverencia, com boa consciência, de modo que, naquilo em que falam contra vós, fiquem envergonhados os que difamam o vosso bom procedimento em Cristo”.

Muitas vezes somos acusados injustamente, mal compreendidos. Mas saiba de uma coisa: Se você é de Cristo, se você conhece a verdade, se proceder bem e se o seu testemunho for bom e fiel, os que tentarem lhe acusar serão envergonhados por causa do seu bom testemunho. A verdade sempre vem à tona. Agora, se não for assim, quem será envergonhado é você e acima de tudo, o nome de CRISTO, que é precioso. Isso é coisa séria!

Como anda seu testemunho? Saiba que a vida do cristão é como um espelho, ela reflete aquilo que a pessoa é. “Sua vida fala mais que suas palavras”. Esteja preparado para dar respostas ao mundo. Você, eu, nós devemos refletir a imagem de Cristo para todos que nos cercam. Sejamos Irrepreensíveis. Este é o nosso 2º DESAFIO “não ter motivos de vergonha.

“Procura apresentar-te APROVADO diante de Deus, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade”. (2 Timóteo 2.15)

O nosso 1º DESAFIO é apresentar-se Aprovado diante de Deus e o 2º DESAFIO é “não ter motivos de vergonha”. O 3º e ultimo DESAFIO é Manejar bem a Palavra: “… que maneja bem a palavra da verdade”.

Acompanhe o raciocinio: Aquele que é aprovado por Deus. Aquele que não tem motivos de vergonha. MANEJA corretamente a palavra da verdade.

A Palavra é Manejar no grego é ortotoméo – Significa: Cortar uma linha reta; guiar por uma estrada reta; para ter o uso apropriado e correto. A metáfora pode ter as seguintes realidades como base e eu pensei em pelo menos três.

1) Fazer uma linha reta como o arado; para que seja plantado corretamente. Imaginem uma terra toda bagunçada, torta. Terá efeito o trabalho? Provavelmente não, pois a terra deve ser arada de maneira correta. Com os espaços adequados entre um plantio e outro, para que os frutos nasçam de forma adequada para a colheita.

2) Construir uma estrada em linha reta; Aqueles que moram aqui na minha região vão entender melhor, mas imaginem as Rodovias Anhanguera ou a Bandeirantes lotadas de curvas. Teriam a mesma eficiência de como elas são hoje? Da minha cidade, Sumaré até a capital, São Paulo, gastamos normalmente cerca de 1 hora e meia de carro sem contar o transito. Se as rodovias de acesso tivessem curvas assim como são na serra, demoraríamos cerca de umas 6 horas no mínimo para chegar em São Paulo. Mas desta forma as rodovias são projetadas, para terem eficiência.

3) Um pedreiro cortando uma pedra para colocá-la em seu lugar próprio. Não pode ser Nem maior, nem menor, se não, a pedra será inútil. É necessário calcular o tamanho exato para ter o efeito esperado.

Da mesma forma a Palavra de Deus deve ser manejada. Proponho uma outra tradução possível: “dividindo bem a palavra da verdade”. Pois o pastor Timóteo deveria apresentar a palavra de Deus de maneira correta, como se fosse preparar um jantar, escolher o cardápio, separar bem os alimentos, preparando com todo carinho, gastando tempo para que ao apresentar o prato, as pessoas possam saboreá-lo, desfrutar e saírem da mesa satisfeitos, bem alimentados. Ele é o facilitador.

Agora, Para manejar bem, você deve conhecê-la. Para conhecê-la, você deve ler e estudá-la constantemente. Gastar tempo com isso. Mas Para ensiná-la, você deve vivê-la. Pois se teu ensino não tiver vida é um ensino morto.

Na mesma carta Paulo continua orientando Timóteo a respeito da Palavra da verdade: (2 Tm 4.2-5) “Timóteo” 2 Prega a palavra, insiste, a tempo e fora de tempo, admoesta, repreende, exorta, com toda longanimidade e ensino. 3 Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo grande desejo de ouvir coisas agradáveis, ajuntarão para si mestres segundo os seus próprios desejos,  4 e não só desviarão os ouvidos da verdade, mas se voltarão às fábulas.  5 Tu, porém, sê sóbrio em tudo, sofre as aflições, faze a obra de um evangelista, cumpre o teu ministério.

PAULO sabia muito bem do que estava falando: Apóstolo Paulo. Um grande homem de Deus, que em certa ocasião disse: “Em nada considero a vida preciosa para mim mesmo, contanto que complete a minha carreira e o ministério que recebi do Senhor Jesus para testemunhar o evangelho da graça de Deus”. (At 20.24)

Por ser coerente, anos depois no final da sua vida disse: “Combati o bom combate, completei a carreira, guardei a fé” (2 Tm 4.7).

Ele tinha um desafio e cumpriu cabalmente. Que belo final de vida! E os demais testemunhos em relação a este homem são incríveis. Infelizmente muitos ao longo da história estão dizendo: “Acabei com o bom combate, Guardei a Carreira e Combati a Fé”.

  • Qual é o teu alvo?
  • Quais são os teus desafios?
  • O que direciona sua vida?

Ser cristão é ter desafios, propus nesses textos 3 desafios para a minha e para a sua vida.

  • O 1º DESAFIO é “Apresentar-se Aprovado diante de Deus”
  • O 2º DESAFIO é “Não ter motivos de vergonha
  • O 3º DESAFIO éManejar bem a palavra”

Que o nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, nos ajude a superarmos nossos desafios e que todos os nossos sonhos, anseios e desejos sejam para a Honra e Glória do Teu Nome. Afinal, “Que diferença fazemos, se não fazemos diferença?”

No amor de Cristo,

Paulo Berberth